12 julho 2021

UMA INFILTRAÇÃO, UM CURTO CIRCUITO E... ACABOU A LUZ!

Os últimos anos não tem sido fáceis para ninguém, afinal, quem imaginaria que passaríamos por uma pandemia mundial.

Do nada fomos obrigadas a ficar "presas" em casa, não podíamos sair nem para o básico que era trabalhar. 
Soma-se à isso todos os nossos problemas da vida normal: casa, família, relacionamento, trabalho etc...


Sempre fui uma pessoa ansiosa, assim como todo tem ansiedades na vida, normal.
Contudo, a primeira crise veio em Maio de 2017: coração acelerado que parecia pulsar na minha boca de tão forte que batia, um frio na barriga, uma sensação de que algo ruim poderia acontecer à qualquer minuto, mãos trêmulas, nó na garganta....

Minutos que pareciam horas, eu só queria sentar em um cantinho em posição fetal e chorar o máximo possível para que toda aquela sensação ruim sumisse.
Foram semanas assim, parecia que eu estava vivendo, dentro um quarto escuro, sem encontrar saída, ou pelo menos, uma luz para acender.

Tive outros episódios como esse, e eu sempre soube o que me causava as crises. A resposta sempre esteve na minha frente. 
Era sempre o mesmo motivo que me causava essas crises, eu relutei muito, mas era óbvio.

Os anos foram passando, parecia que eu tinha melhorado. Ficava ansiosa, mas não como antes, a sensação agora era de alívio e medo.
Medo que voltasse à sentir tudo aquilo, medo que tudo o que me causou essas crises voltasse à acontecer.

Março de 2020, voltei pro mesmo quartinho escuro, porém, dessa vez era diferente: não passava.

Eu fazia minhas tarefas do dia a dia, torcendo para que chegasse a hora em que eu pudesse me sentar e chorar. Só isso. 

Março, Abril, Maio, Junho, Julho.....Agosto não dava mais, eu não dava mais conta disso sozinha: PRECISO FAZER TERAPIA, NÃO AGUENTO MAIS!

A primeira sessão de terapia foi 05-08-2020, por chamada de vídeo, me lembro todos os detalhes daquele dia. 
Comecei a sessão com um nó na garganta, bastou a terapeuta me perguntar: "Como você está?"

Desabei, meu choro naquele momento era quase um grito de socorro.
Foi quando a Terapeuta me disse: "Tá tudo bem, aqui é o seu lugar, você pode chorar, pode se emocionar. Aqui é o SEU lugar. Para você falar o que quiser e chorar também".

Foi como se ela me abraçasse, me senti tão acolhida. Tão amparada, não me sentia tão à vontade assim fazia muitos meses.
Dali pra frente, cada semana era melhor que a anterior.
Meu quartinho escuro agora começa a ter luz, eu consegui acender as luzes. E a cada sessão que passava, ficava mais claro.

Dezembro chegou..... as luzes que eu havia conseguido acender, queimaram. Novamente eu estava no quartinho escuro.
DE NOVO NÃO!

Agora era diferente, eu não estava mais sozinha, eu tinha uma grande aliada: a TERAPIA!

Lá vamos nós novamente em busca de novas luzes para esse quartinho.

Junho 2021, ano novo: e mais uma vez as luzes queimadas. Dessa vez é diferente, eu estou diferente.
Eu cansei! Eu quero resolver isso, eu quero dar fim nessa situação que sempre queima as luzes do meu quartinho.

O repertório é sempre o mesmo: meu quartinho está iluminado, está tudo bem. 
Começa uma infiltração, seguida de um curto circuito, minhas luzes queimadas, meu quartinho escuro e eu? Perdida na escuridão de novo!

Até que no dia 26-06 eu decidi: Acabou! Eu decidi que acabou, eu cansei de viver nesse círculo, eu quero resolver isso. Eu quero acabar com esse ciclo de infiltração, que acaba sempre me deixando na escuridão.

Entrei na sessão de terapia e falei:

"Eu quero falar sobre a infiltração!"

Hoje, 12-07-2021, posso dizer que estou em obras para resolver esse problema.
Não é apenas uma sessão ou duas, para resolver um problema de infiltração que já dura tantos anos.

É doloroso, não é fácil, machuca... Reviver situações que já machucaram, visitar momentos de frustração... Dói!

Entretanto, a cada sessão, minha obra caminha mais um pouco, a cada sessão é um passo à frente.

Vão ter outras infiltrações, mas não essa. Essa infiltração já me deixou exausta, e por muitas vezes na escuridão. 
Agora ela está sendo resolvida desde a raiz, e as outras que virão, também serão assim: na raiz. 

Atualmente meu quartinho está à luz de velas. Muitas velas, para tentar mantê-lo "iluminado". Algumas, às vezes, se apagam.... Todavia, chegará o dia em que não precisarei dessas velas, e meu quartinho estará iluminado novamente e livre dessa infiltração que me causa tanta dor.

Eu aqui no meu quartinho, desejo que você resolva todas as suas infiltrações também. E que perceba, que não precisa viver para sempre nessa escuridão.

15 abril 2021

EU VOLTEI!!!

Tem alguém ai?

Será que alguém ainda lê esse blog?


Faz muito tempo que não escrevo aqui no blog, mas hoje senti bastante vontade de vir aqui conversar com vocês sobre um pouco do que aconteceu no último ano.

Desde o meu último post aqui, muita coisa aconteceu por exemplo: uma pandemia Mundial, quem diria hein?!

Eu não gosto de número impares, por esse e outros motivos eu estava com muita expectativa para o ano de 2020.

Lembro que quando o ano começou, eu estava super animada, com vários planos, metas. objetivos que eu planejava alcançar etc....

Conforme o ano foi rolando as coisas foram mudando, veio o Covid, eu tive muitas crises de ansiedade....Os planos começaram a mudar de rumo, tive que mudar de rota várias vezes....

Exclui minha conta antiga no Instagram e criei uma nova, foquei 100% no meu canal do Youtube, comecei usar hene no cabelo, também iniciei na terapia etc....

E nos últimos meses do ano, minha vida virou de ponta cabeça da noite pro dia.

Contudo, eu costumo dizer que sou como bambu: me envergo até o chão, mas eu NÃO QUEBRO! Sabe fênix que me se levanta das cinzas? Essa sou eu.

Refazendo minha vida, refazendo planos, metas, sonhos, mudando a rota novamente. Segue a vida.

Uma coisa muito boa que preciso compartilhar aqui com vocês: minha mãe já tomou as duas doses da vacina, minha irmã (Professora) tomou a primeira dose e meu cunhado também já tomou a primeira dose.

Quero voltar a escrever regularmente por aqui , mas não vou me comprometer com datas, quantidade de postagens nem nada do tipo. Vou escrever sempre que possível, sempre que for LEVE, sempre que eu achar que tenho algo à acrescentar na vida de vocês.

Hoje só quero dizer que estou de volta e que vocês podem me acompanhar por aqui também.

Essa semana eu senti que tinha que voltar, recebi dois sinais muito grandes de que era a hora de fazer isso aqui acontecer de novo.

E então parei de enrolar e vim finalizar esse post que comecei dia 31-01-21, já estamos em Abril e eu não tinha publicado esse texto ainda.

Na realidade sempre que eu pegava para finaliza-lo eu não sentia essa leveza que sinto agora. 

Por fim o que eu quero para esse blog a partir de agora é LEVEZA.

Tenham um ótimo final de semana e a gente se vê logo em breve :)

30 janeiro 2020

ASTROLOGIA EM CORES RISQUÉ - JOGA ASTRAL NO MEU MAPA

Demorei mas voltei com mais swatches da coleção Astrologia em Cores da Risqué.
Dessa vez, preciso confessar que, essa cor foi a que menos me chamou atenção, e que eu achei que seria a última que eu usaria.
Um dia vendo as fotos da Jake Badulake, me deparei com esse vidrinho, e logo pensei que deveria dar uma chance à ele, de tão lindo.

Joga Astral No Meu Mapa

Esse é mais um da coleção que tem efeito metálico matte. Adoro esse efeito, ele brilha muito mas tem aquele toque matte que faz total diferença.
Ele é super brilhante, um branquinho para as clássicas que querem dar uma leve ousada.
Nas fotos, usei três camadas dele para deixar 100% da unha coberta. Lindo demais!

Alô noivinhas, se você esta a procura de um esmalte clarinho para casar, acho esse uma ótima pedida. Ele é clássico, mas tem seu toque especial.




O legal dessa cor é que você pode usá-la sozinha, ou por cima de esmaltes escuros. A Jake e eu fizemos um combinadinho usamos: Eu Não Foi Meu Ascendente e por cima dele o Joga Astral no Meu Mapa.

Para usá-lo por cima de um esmalte escuro minha dica é: pegue pouco esmalte no pincel e vá com a mão bem levinha. Assim você conseguirá um efeito lindo!


Gostaram dessa cor?

Super beijo e até o próximo


11 novembro 2019

UNHAS DA SEMANA: MULTICOLORIDAS AZUIS


Unhas da semana e mais um combinadinho com a Jake #adoro
Fizemos as multicoloridas rosas, e é claro que não deixaríamos de fazer as multicoloridas azuis.
Homens: façam seus exames, prevenir é sempre melhor do que remediar.

Tudo Azul



Como vocês podem ver, minhas unhas estão super cotocas, acontece que minha unha do dedão mão direita quebrou bem na carne. Eu não suporto assimetria nas unhas, então quebrou uma, eu corto todas.
Feito! Cortei todas, agora é paciência para elas crescerem.

Esmaltes Usados:

Dedão -> Olho Grego – Dailus: a cobertura desse esmalte me surpreendeu, com uma camada ela já cobriu 90% das unhas. Usei 2 camadas para a cobertura ficar perfeita.

Indicador -> Fantasia – Nati Cosmética: 3 camadas.

Dedo Médio -> Troca o Disco – Impala: esse eu já usei aqui e a cobertura dele é surreal, usei 2 camadas.

Anelar -> Lapa – Lapogée: 3 camadas.

Mindinho -> Harmonia – Nati Cosmética: essa cor eu achei que seria super chata de esmaltar, pensei que mancharia horrores, mas pelo contrário. Ele é meio ralo, mas não manchou tanto. 3 camadas.


Todas as unhas eu finalizei com o Top Coat da Ideal, meu favorito da vida, que dá um brilho bem espelhado e garante maior durabilidade na minha esmaltação.

Achei que a combinação ficou muito amorzinho. As curtinhas dão um ar mais delicado à qualquer esmaltação.

Quando elas estão curtinhas, eu gosto de usar cores mais clarinhas, delicadas mesmo; porém mesmo com esses tons de azul achei que ficou uma delicadeza só.

Ah! E eu espero que vocês tirem da cabeça essa ideia que só unhas compridas são bonitas, as curtinhas também dão um show.

Gostaram?

Boa semana e até mais

05 novembro 2019

ASTROLOGIA EM CORES RISQUÉ - EU NÃO, FOI MEU ASCENDENTE


E hoje é dia de mostrar mais uma cor da coleção Astrologia em Cores de Risqué. Usei a segunda cor da coleção e quero mostrar para vocês.

Se você não está sabendo dessa coleção, tem um post completo aqui onde contei todos os detalhes e a primeira cor que usei.



Eu maluca por signos que sou, estou completamente pirada nesse coleção, mas tenho meus favoritos é claro.

Dessa vez usei um lindão que trás como nome uma frase que eu uso muito, afinal um ascendente em câncer é sinal de muito drama e choro na certa rs...

Eu Não, Foi meu Ascendente




Esse é mais um dos meus favoritos da coleção, é um roxo que tem mini pontinhos verdes o que resulta em um tom único.
Ele tem o novo acabamento Metálico Mate e para cobertura total das unhas usei três camadas.

Vale ressaltar que essas cores que tem acabamento mate, podem ser usadas com extra brilho, para quem não curte acabamento fosco.

Nas fotos não conseguir captar os pontinhos verdes, fiz todas em luz natural.


Em breve trago as próximas cores dessa coleção para vocês verem.

© Bah Cardoso - Todos os direitos reservados
Desenvolvimento por: Colorindo Design - Tecnologia do Blogger.